Contacto | [PT] EN | login


    • Brinde de Páscoa!
    • Aqui fica um Brinde de Páscoa! Sim, já ultrapassámos desavergonhadamente o prazo para apresentar a nossa lista de Melhores de 2013 em mais de 4 meses, pelo que vamos aproveitar esta desculpa para nos safarmos! ;) E, sem mais demoras...



      Top de Álbuns de 2013:



      Non-PT Top 10:



      01. Fleshgod Apocalypse - Labyrinth :: um álbum brutal e intenso. Com uma atmosfera massiva, hipnotizante e enigmática. Deixem-se perder neste opus labiríntico!

      02. Ghost - Infestissumam :: mais um lançamento brilhante desta banda enigmática. Este álbum é menos negro que o álbum de estreia da banda, mas compensa esse facto com inúmeros pormenores de classe e com algumas das melhores letras de que nos lembramos de ter ouvido. Um álbum divertido e muito inteligente!

      03. Ayreon - The Theory of Everything :: um lançamento incrível do Sr. Arjen Anthony Lucassen. Uma lista impressionante de grande músicos convidados, composições brilhantes e uma história e diálogos cativantes são alguns dos elementos que tornam este trabalho numa grandiosa metal/rock opera.

      04. In Solitude - Sister :: depois de invadirem o mundo com a sua sonoridade old school a fazer lembrar os primórdios dos Mercyful Fate, com este novo álbum conseguiram criar uma sonoridade própria, sem colagens, vintage mas ao mesmo tempo refrescante e desafiante.

      05. Black Sabbath - 13 :: estes velhotes conseguiram! Sim, é verdade que conseguiram decepcionar um pouco ao não se entenderem com Bill Ward, mas ainda assim o álbum acabou por sair e não só não desapontou como conseguiu incluir alguns temas de belo efeito, com a sonoridade típica da banda, dos anos 70, mas adaptada aos tempos actuais.

      06. Steven Wilson - The Raven That Refused To Sing :: um álbum surpreendente, belo e obscuro.

      07. Avatarium - Avatarium :: com a presença de membros de bandas como Candlemass, Evergrey ou Tiamat, este álbum de estreia apresenta uma belíssima capacidade de composição e um conjunto de magníficos temas.

      08. Dream Theater - Dream Theater :: este lançamento homónimo finalmente incluíu elementos musicais que me fizeram recordar dos motivos que me levaram a apreciar esta banda, nos seus tempos iniciais. Uma lufada de ar fresco nos lançamentos da banda.

      09. Deafheaven - Sunbather :: uma estranha mistura de black metal com passagens atmosféricas, noise guitar e mais não-sei-o-quê, sendo que o que torna este lançamento realmente interessante é toda a emoção que a banda conseguiu colocar e extravasar em todos os temas. Uma bela descoberta!

      10. Hell - Curse & Chapter :: o heavy-metal não está morto! Este álbum apresenta-nos riffs de guitarra, solos, vozes cantadas e berros estridentes, refrões cantáveis e basicamente tudo aquilo que nos fez gostar de heavy-metal.





      PT Top 10:



      01. Gwydion - Veteran

      02. Gates of Hell - Critical Obsession

      03. Dementia 13 - Tales for the Carnivorous

      04. Mindfeeder - Endless Storm

      05. Apotheus - When Hope And Despair Collide

      06. My Deception - Sinful Twilight

      07. Destroyers Of All - Into The Fire

      08. AntiVoid - Senseless

      09. Filii Nigrantium Infernalium - Pornokrates: Deo Gratias

      10. Head:Stoned - Present Inexistence





      Os álbuns seguintes não chegaram ao Top 10 mas são ainda dignos de menção:



      Manegarm - Legions Of The North :: um trabalho bem divertido e enérgico que dá gozo ouvir. ETERNITY AWAAAAIIIITS!!

      Hypocrisy - End Of Disclosure :: Tive a oportunidade de assistir a 2 concertos deles em 2013 e foram bem mais captivantes do que o concerto visto em 2012. Este álbum terá certamente algo a ver com isso!!

      Leprous - Coal :: este é um daqueles que se ama ou odeia, mas os Leprous estão a criar algo muito deles a cada álbum que lançam e cada concerto que dão que os Leprous

      Stratovarius - Nemesis :: este álbum apresenta um regresso à sonoridade mais directa que nos remete à melhor fase da carreira destes veteranos, conseguindo ao mesmo tempo manter uma sonoridade fresca e interessante.

      Queensryche - Queensryche :: depois de ter desistido por completo dos Queensryche e de ter levado com a novela da separação, foi surpreendente voltar a ouvir a sonoridade antiga da banda neste lançamento.

      Vulture Industries - The Tower :: uma das boas surpresas deste ano, apresentam uma sonoridade própria e captivante, com melodias e vocalizações bem interessantes.





      Apesar de ter ouvido bastantes vezes estes 4 álbuns ao longo do ano, acabaram por não chegar ao Top 10:



      Orphaned Land - All Is One :: sendo um grande fã dos Orphaned Land desde que ouvi o álbum Sahara há cerca de 20 anos atrás, espero sempre o melhor desta banda desde que regressaram ao activo com o magnífico Mabool. Gostei mais deste último trabalho do que do anterior e o tema-título é um belíssimo exemplo da sua sonoridade, skills e mensagem (sim, os Orphaned Land são mais do que uma simples banda de metal). Ainda assim, com a gradual redução das influências death-metal nas composições mais recentes, os seus temas têm perdido muito do poder que tão bem equilibrava a sua sonoridade.

      Týr - Valkyrja :: a banda das Ilhas Faroe lançou um belo álbum para a sua nova editora Metalblade, com grandes temas! Se não fosse o dueto que soa forçado com Liv Kristine e uma ou outra faixa mais desinspirada e teriam ido parar aos melhores do ano.

      Powerwolf - Preachers of the Night :: os lobos lançaram mais um opus. Desta vez os títulos não são tão "imediatamente divertidos" como em álbuns anteriores mas é certo que Amen & Attack e mais alguns irão ser adicionados com grande efeito aos enérgicos concertos da banda!

      The Flight of Sleipnir - Saga :: depois de em 2010 ter ficado deliciado com o álbum Lore, dei várias hipóteses a este novo lançamento, mas sem o mesmo sucesso...





      Os seguintes lançamentos em DVD também devem ser mencionados:

      Devin Townsend - The Retinal Circus :: Um concerto grandioso que demonstra tudo aquilo de que o Devin é capaz! Melhor dvd de sempre!

      Kreator - Dying Alive :: Os Kreator estão a melhorar cada vez mais com o passar dos anos e desta vez até apresentaram um palco especial na tour do último álbum! Melhor ainda, ninguém parece reparar ou queixar-se dos novos temas estarem a gradualmente substituir os velhos clássicos nos concertos. Para perceber porquê, basta ver neste lançamento!

      Sabaton - Swedish Live Empire :: Estes Suecos não enganam e o último álbum deles foi mesmo bom, pelo que nada melhor do que lançar um dvd que permita registar toda a energia que colocam nas suas actuações!

      Nightwish - Showtime, Storytime :: O castigo chegou ao fim e todo o Wacken o testemunhou! As performances de Anette ao vivo estavam muito abaixo do nível exigível para esta banda e, depois da mudança visível neste dvd, vais voltar a querer ver Nightwish ao vivo!

      Epica - Retrospect :: o mais recente álbum de estúdio da banda não correspondeu às expectativas, mas esta gravação do enorme concerto de 10º Aniverário da banda irá ajustar a amenizar esse facto.





      Finalmente, o Top que gostariamos de não apresentar.... as Top 5 Desilusões de 2013:



      Alice in Chains - The Devil Put Dinosaurs In Here :: A História repete-se... depois de um excelente regresso com Black Gives Way To Blue, os Alice in Chains voltaram novamente a defraudar as expectativas como aconteceu quando lançaram o seu álbum homónimo depois dos excepcionais álbuns Facelift e Dirt.

      Rhapsody of Fire - Dark Wings of Steel :: Este álbum soa dolorosamente desinspirado. Depois da saída de Luca Turilli seria fácil apontar o dedo ao novo elemento na guitarra, mas as culpas repartem-se por todos uma vez que as composições são genericamente fracas e sem ideias.

      Queensryche - Frequency Unknown :: depois de tudo dito e feito, Geoff Tate lançou este FU com a sua versão dos Queensryche. Enquanto a versão constituída pelos seus restantes ex-colegas conseguiu um feliz regresso à antiga sonoridade da banda, este trabalho continuou a afundar-se na sonoridade desinteressante dos últimos trabalhos da banda.

      Megadeth - Super Collider :: OS Megadeth conseguiram piorar ainda mais com este péssimo álbum. Se o anterior Th1rt3en já não seria motivo de orgulho para MegaDave, com este novo trabalho ele passa a ter motivo para ter vergonha (e o Chris Broderick deve estar bem escondido a dizer baixinho que "Eu não tive nada a ver com esta mer**!"). É como se o Cryptic Writings se tivesse juntado ao Risk num álbum com uma capa ainda pior.

      Turisas - Turisas2013 :: Que raio...?!?!?!? É certo que o anterior Stand Up and Fight não conseguiu manter o nível do fantástico The Varangian Way, mas ainda assim, era bem melhor que isto... e mais consistente... bolas, tinha até um melhor título! E não, caros Turisas: this For Our Own Good! No good album ever starts with whatever you drank yourselves into before doing this load of Bhang. O prémio de maior decepção de 2013 vai para este lançamento, com a esperança de que ganhem novo rumo e voltem a fazer algo que já mostraram saber fazer bem no passado... Oh, THOSE WERE THE DAYS!!!!































promo:
+info www fb
promo:
+info www fb
promo:
+info www fb
promo:
promo:
+info www fb